Deprecated: Function set_magic_quotes_runtime() is deprecated in /htdocs/public/forum/common.php on line 106 [phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/session.php on line 885: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
[phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/session.php on line 885: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
[phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/session.php on line 885: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
[phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/functions.php on line 3391: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
[phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/functions.php on line 3393: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
[phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/functions.php on line 3394: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
[phpBB Debug] PHP Notice: in file /includes/functions.php on line 3395: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /common.php:106)
Girlspt - Just Girls, Morangos com Açúcar, Telenovelas, Séries, Músicas, Downloads • View topic - Próximos episódios de Morangos (18 a 22 de Abril)

Próximos episódios de Morangos (18 a 22 de Abril)

Resumos dos próximos episódios e vídeos completos dos episódios da série MCA8

Próximos episódios de Morangos (18 a 22 de Abril)

Postby morangos on 25 Apr 2011, 08:20

Morangos com Açúcar 8 - Morangos com Açúcar Agarra o Teu Futuro - Série MCA8

Semana anterior (11 a 15 de Abril de 2011 - do 153.º ao 157.º Episódio)

Próximos episódios de Morangos com Açúcar 8 - Série MCA 8

Morangos com Açúcar 8
Semana de 18 a 22 de Abril de 2011 - do 158.º ao 162.º Episódio


    Fernanda e Jorge conversam. Fernanda diz a Jorge que Diogo já decidiu que quer ir para França viver. De repente, Jorge cai em si e percebe que, dessa forma, também Fernanda irá embora. Jorge fica triste, pois terá de procurar outro emprego. Fernanda e Jorge continuam a conversar. Jorge fica espantando quando Fernanda diz que não irá fechar a loja e propõe a Jorge que seja sócio-gerente. Jorge começa a gritar e a correr pela loja, de braços no ar. Fernanda sorri e espera que Jorge se acalme.

    No Alentejo, Pedro e Lourenço vão à casa das ferramentas ver se há algum gasóleo para pôr na carrinha, contudo desanimam quando vêem que não há nem uma gota de gasóleo nos bidões. Lourenço, Marta, Pedro, Inês, Mariana e Leo preparam-se para sair, mas de repente Lourenço lembra-se dos comprimidos e volta atrás, apressado.

    Javi está na loja de conveniência e ao ver Sandra corre em sua direcção. Sandra olha séria para Javi e afasta-o. O jovem não percebe o que se está a passar, até que vê a mãe de Sandra. Sandra diz a Javi que os seus pais vieram com ela, pois o pai da jovem já está a ficar desconfiado. Javi afasta-se, triste. A mãe de Sandra olha-a séria.

    Gil toca guitarra e canta, no seu quarto. Sente-se desanimado e perdido, até que se fixa no computador. De repente pára de tocar, pousa a guitarra e sorri assim que se aproxima do monitor. Rosana fala com Gil, através do chat.

    Mais tarde, Gil recebe Rosana, à porta. Gil já tem o lanche preparado para os dois. Rosana fala com o jovem, mas este não a deixa terminar a frase e beija-a. Os dois beijam-se, intensamente, porém Gil, ao tentar puxar Rosana para si, atrapalham-se e acaba por fazer com que o copo se vire sobre o top de Rosana.

    Rosana afasta-se rapidamente de Gil e diz que Gil não tem mesmo jeito. Rosana fica a pensar que Gil é virgem. Gil fica atrapalhado, mas tenta dar a volta à situação, começando a rir. Rosana começa a tirar a roupa suja com sumo e Gil avança, beijando-a com intensidade. Gil e Rosana vão para a cama de Leo e Mariana, os dois envolvem-se.

    Lourenço, Marta, Pedro, Inês, Mariana e Leo regressam do passeio, estão todos muito cansados à excepção de Lourenço que continua muito energético. Leo vê uma pedra e senta-se, mas nesse instante sente uma picada. Os amigos aproximam-se e vêem uma cobra. Lourenço apercebe-se que Leo foi mordido. Lourenço e Pedro estão cada um de um lado de Leo e este tem os braços sobre os ombros deles, apoiando-se. Apesar de não estar com muito boa cara, Leo exagera no que está a sentir e dramatiza muito. Marta, Inês e Mariana olham-no, muito preocupadas.

    Mariana, Lourenço e Pedro decidem ir até à estrada pedir ajuda a alguém. Lourenço caminha com Leo às costas. Pedro segue-os, sempre a olhar para os telemóveis com esperança de encontrar rede.

    Já de noite, Marta está sentada no sofá, muito nervosa à espera de notícias. Inês olha-a, preocupada. Apesar de também estar nervosa, tenta não o demonstrar para não afligir ainda mais a amiga. Nesse momento, batem à porta. Na esperança de serem eles, as duas jovens levantam-se prontamente, contudo entram dois homens com muito mau aspecto. Marta e Inês estão a um canto, encostadas uma à outra e cada vez mais assustadas.

    Um dos homens traz uma arma, enquanto o outro está encostado a uma parede com um ferimento grave. Marta ganha coragem e pergunta o que estes querem. O homem que está com a arma diz que precisam de um sítio para passar a noite. As duas jovens ficam em silêncio, nervosas e assustadas

    Marta está a acabar de fazer o curativo ao homem que está ferido. Está de joelhos no chão, a arrumar o algodão, as compressas e a água oxigenada dentro da caixa. Inês está afastada e observa tudo com atenção. De repente, vêem-se luzes azuis intermitentes do lado de fora da casa, de um carro da polícia. Os homens agarram Marta e Inês e pedem que estas fiquem caladas.

    O carro da polícia está estacionado junto à casa, ainda com as luzes ligadas. Um dos polícias bate à porta. O homem com a arma esconde-se atrás da porta e apontando a arma a Marta pede-lhe que a abra e não diga que eles estão ali. O polícia diz que estão à procura de dois assaltantes perigosos que fugiram do estabelecimento prisional e que se dirigiram para aqueles lados. Marta, muito nervosa, diz não saber de nada.

    De madrugada, Lourenço e Pedro chegam de táxi ao local onde a carrinha ficou. Os dois jovens trazem bidões com gasóleo, contudo apercebem-se que Leo ficou com as chaves da carrinha. Lourenço e Pedro decidem ir ter com Marta e Inês, pensando que estas estão preocupadas, sem notícias.

    Marta e Inês estão sentadas encostadas à parede. Inês está a dormir, mas Marta continua acordada e alerta. Marta percebe que os homens estão a dormir e abana ligeiramente Inês, tentando acordá-la. Inês abre os olhos e Marta fala-lhe em voz baixa. Nesse momento, um dos homens acorda e Marta e Inês calam-se, tensas.

    Lourenço e Pedro estão quase a chegar à casa, quando Lourenço vê um homem, junto à mesma. Os dois escondem-se atrás de uma árvore. Lourenço e Pedro estão cada vez mais intrigados e desconfiados. Os dois jovens gelam quando vêem Marta com uma arma apontada. Lourenço tem um plano.

    Dentro de casa, os dois homens, Marta e Inês começam a ouvir um som estranho. Pedro está escondido a ladrar do lado de fora da casa. Os homens entreolham-se, cada vez mais intrigados com aqueles sons. Um dos homens vem à rua e Lourenço dá-lhe com um pau na cabeça. O ladrão fica desmaiado no chão.

    A porta abre-se de rompante e Lourenço entra. Este fica surpreendido ao ver ali outro homem. Sem esperar mais, o segundo ladrão aponta a arma a Lourenço. O jovem tenta roubar-lhe a arma. Os dois andam à pancada, enrolados no chão. Marta e Inês choram, desesperadas. Lourenço larga o braço do homem. Começa a surgir sangue no braço de Lourenço. Pedro surge e bate no homem com um pau. Este cai no chão inanimado. Lourenço consegue levantar-se com grande esforço, mas de repente leva a mão à zona onde foi ferido e vê o sangue. Lourenço sente uma vertigem e cai em cima do sofá.

    Já em Lisboa, Lourenço volta do Hospital com o pai, de braço ligado. Lourenço está muito cansado e acaba por adormecer. Joana espreita, muito preocupada com o filho, mas fica mais calma quando o vê a dormir profundamente. Marta conta às irmãs o que se passou, no Alentejo. Já Leo e Mariana contam a Javi, Papoila e Gil o sucedido. Paulo anda de um lado para o outro, enervado. Pedro e Inês estão sentados no sofá, calados e amuados. Carolina está de pé, séria.

    Na sala de professores, Linda está nervosa e impaciente, sem nada para fazer. Está à espera de alguém e, enquanto essa pessoa não chega, come chocolates. Alexandra e Ricardo chegam e Linda abre um enorme sorriso. Linda pergunta como correu a conferência e o convívio entre os professores. Ângela e Zé Milho estão a perceber a intenção de Linda e sorriem, divertidos.

    Marta, ao saber que Diogo vai para Paris viver, decide falar com os amigos e preparar uma festa surpresa de despedida no Chiclete. Violeta leva Diogo ao Bar Chiclete, contudo está tudo muito escuro quando estes entram. As luzes acendem-se e todos sorriem, batendo palmas, animados. Diogo fica boquiaberto com a surpresa

    (159) Carneiro Seixas convida Linda para almoçar 160 13413416 20/4

    Continuam todos na festa, o ambiente é festivo. Jean Pierre entra, vindo da rua, espreita e sorri ao ver Diogo. Jean Pierre sorri ao ver a decoração da festa, tipicamente portuguesa. Todos dançam animados, Diogo olha em volta, emocionado. Jean Pierre bebe vinho com Fernanda e Jorge. Marta olha em direcção à entrada, intrigada, pois surge Andreia e Rosana.

    Na manhã seguinte, Jorge está a tomar o pequeno-almoço quando surgem Luís e Cláudia. Cláudia vem com um pijama muito reduzido o que deixa Jorge irritado. Jorge é rude para Cláudia e diz-lhe que aquela não é a casa dela para andar assim vestida. Cláudia está em frente a Jorge e mostra-se muito ofendida com as insinuações dele. Luís sopra o ar, sem paciência para Jorge.

    Na escola, as pautas com as notas são afixadas no placard. Linda sorri satisfeita e afasta-se, seguindo em direcção à sala de professores. Linda conversa com Alexandra e diz-lhe que está um pouco preocupada com as contas da D. Sebastião, porém já tem uma ideia. Conta a Alexandra que vai organizar um curso para dar preparar melhor os alunos para a vida profissional. Linda acrescenta que pessoas de fora da escola também poderão participar, mas terão de pagar.

    Lourenço, Marta, Mariana, Leo, Javi e Gil. Pedro e Inês estão junto a eles, diante da pauta. Andreia passa por eles em direcção ao WC feminino, apressada e com a mão na boca, sem olhar para ninguém. Marta olha para ela, estranha mas não diz nada. Andreia acaba de vomitar, transtornada.

    Na casa de banho dos rapazes, Lourenço pede a Pedro mais comprimidos. Pedro, já irritado por Lourenço tomar aqueles comprimidos a toda a hora, diz-lhe que não tem e que não lhe irá dar mais. Lourenço fica frustrado.

    Clara, como responsável pelo ensaio, reúne todos os alunos para o grande ensaio e vai à sala de professores avisar Linda que estão todos prontos para começar. Linda não consegue esconder a excitação. Linda, Ricardo, Alexandra e Zé Milho sentam-se nas bancadas, enquanto os alunos vão para o centro do auditório, para um ensaio geral.

    Na sala de convívio, Sara conversa com o seu amigo, no chat do Peoplesbook. Sara tecla freneticamente e sorri, ao ler as respostas. Beto e Chico continuam sentados a uma mesa e observam Sara, desconfiados.

    Carneiro Seixas surge na sala de professores, com um ramo de flores na mão e convida Linda para ir almoçar com ele, a sua casa. Linda sorri e aceita, contente.

    Alexandra e Ângela conversam. Ângela diz à colega que está muito nervosa com o casamento, pois tem medo que mais alguma coisa aconteça e esta não se volte a casar. Alexandra tenta tranquilizar Ângela. Alexandra conta a Ângela que sente que Ricardo a está a rejeitar. Alexandra acha que Ricardo já a esqueceu e agora é ele que não quer nada com ela. Já em sua casa, Carneiro Seixas mostra fotografias antigas de Lourenço. Os dois estão sentados no sofá e riem. Já almoçaram. Linda olha para o relógio e percebe que tem de ir embora. Carneiro Seixas e Linda dirigem-se para a porta enquanto falam. Jacinta entra na sala, vinda da cozinha, e faz uma expressão de desagrado ao ver Linda e Carneiro Seixas tão íntimos

    Mariana, Leo, Javi e Gil já estão prontos para o casamento. Os quatro estão de frente para Papoila, que os olha, orgulhosa. Leo força um sorriso, mas logo desaperta a gravata e respira fundo. Leo avisa os amigos que não irá levar o carro, pois ficou traumatizado. Javi, Gil e Papoila riem.No exterior da igreja estão Linda, Clara, Rosana, Anabela, Patrícia, Lourenço, Pedro, Inês, Violeta, Sandra, Filipe, Simara, Ricardo, Alexandra, Zé Milho e outros convidados.

    Cláudia, Luís, Andreia e Marta chegam, também bem vestidos e penteados, e vão cumprimentar os presentes. Marta abraça Lourenço, que continua de braço ao peito.Linda pede aos alunos que vão entrando para a igreja, pois não quer que os noivos os vejam.

    Cláudia, Ricardo e Zé Milho estão sentados muito nervosos. Linda está de pé, mas também está uma pilha de nervos. Nem Félix nem Ângela chegaram e começam a temer o pior.Todos estão nervosos e impacientes e continuam a olhar para o relógio. Linda está com as mãos juntas em prece, a rezar, quando, nesse momento, se ouve dois carros a travarem a fundo e a bater. Os carros de Ângela e de Félix estão enfaixados um no outro. O choque foi pequeno e os estragos não são grandes. Os convidados aproximam-se, de olhos arregalados, sem quererem acreditar no que acabou de acontecer.

    Ângela e Félix ajeitam a sua roupa, como se nada tivesse acontecido e sorriem.Félix ainda está atordoado e não repara nos alunos, que estão sentados na fila da frente. Ângela surge à porta da igreja e Linda faz sinal aos alunos. Clara assente e começa a cantar. Félix olha, surpreendido. Ângela que avança pela igreja, também olha e, ao ver os alunos todos, emociona-se. Linda sorri. Os alunos cantam todos em coro. Ângela chega ao pé de Félix, de lágrimas nos olhos. Félix dá-lhe a mão. Os dois ficam a olhar um para o outro, emocionados, com o coro a cantar de fundo.

    Ângela e Félix saem de dentro da Igreja. Vêm de mão dada e já com as alianças. Os dois riem ao ver os carros em frente à igreja e decidem ir de táxi para o copo de água, enquanto Luís chama o reboque. Pedro tem uma ideia melhor e empresta a sua mota para o casal ir para o copo de água. Ângela fica contente com a ideia e diz que irá ela a conduzir.Ângela, antes de ir embora, atira o bouquet, e este vai directo às mãos de Linda, que fica boquiaberta e um pouco atrapalhada. Já à noite, Jorge e Rocha estão sentados à mesa, a jantar em silêncio. Rocha vai observando Jorge pelo canto do olho. Jorge suspira e Rocha decide arriscar a perguntar o que se passa. Jorge encolhe os ombros, mas depois decide desabafar com Rocha. Jorge diz que sente saudades de uma pessoa, mas que não pode sentir. Rocha não percebe o que este quer dizer.
morangos
 
Posts: 1309
Joined: 06 Nov 2009, 14:35


Return to Episódios da Série Morangos com Açúcar 8 Agarra o Teu Futuro

Who is online

Users browsing this forum: Yahoo [Bot] and 2 guests

cron